Todos os dias imos e vimos, num comboio, de Valência a Paterna. O sol ri sobre a horta levantina. Depois das provas de ingresso, ficaremos internos na Escola. (Barreiro, cap. XXXVII da 2ª parte)

1936-1939 – Muda-se para Valência e assiste aos cursos de uma escola de formação de oficiais em Paterna

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email
Este sítio web utiliza 'cookies' próprias e de outrem. Ao premir aceitar, concordas com isto.